Covid-19 obriga Festival do Butelo e das Casulas e Carnaval dos Caretos a reinventarem-se online

Um evento criativo e inovador, que vai realizar-se na casa de todos os portugueses, a qualquer hora, a partir de qualquer lugar e à distância de um simples clique”. Assim carateriza a autarquia brigantina, presidida por Hernâni Dias, o Festival do Butelo e das Casulas e o Carnaval dos Caretos, que terão lugar de 1 a 16 de fevereiro e que surgem, de acordo com o executivo, não só com o intuito de tentar “contrariar os obstáculos e dificuldades originadas pela Covid-19”, apoiando os produtores locais, mas também de “continuar a dinamizar a cultura e as tradições brigantinas”.

Promovidas pelo Município de Bragança, estas duas ações traduzir-se-ão num conjunto de iniciativas online, já que a situação pandémica que se vive atualmente no país assim o obriga.

Já confirmada no Festival do Butelo e das Casulas está a presença de 17 produtores do concelho de Bragança, que comercializarão, sobretudo, fumeiro. Assim, os portugueses em geral e os transmontanos em particular interessados em comprar butelo, salpicões, chouriças, casulas, azeite, vinho, licores, mel e artesanato regional poderão fazê-lo, exclusivamente, online através da plataforma Dott/Ctt.

Um investimento, na ordem dos 14 mil euros, que será suportado pelo Município de Bragança. 

De referir, também, que os amantes da cozinha regional e da gastronomia tradicional poderão ”aprender a confecionar alguns pratos à base de produtos locais com destaque para o butelo com casulas, castanha e mel” com chefs que prometem revelar alguns dos segredos que fazem dos seus pratos confecionados um sucesso.  

CMB

Por sua vez, o Carnaval dos Caretos incluirá a exposição de um artesão de máscaras, “Diálogos com Arte” e oficinas pedagógicas, destinadas, sobretudo, à comunidade escolar.

Assim, sob a orientação online de alguns artesãos, os mais pequenos poderão aprender a construir máscaras em lata e fatos de caretos da região nos dias 10, 11 e 12 de fevereiro.

No dia seguinte, a 13 de fevereiro, o Museu Ibérico da Máscara e do Traje irá receber a inauguração da exposição “Máscara: o ser e o fazer”, da autoria do artesão Isidro Rodrigues. Seguir-se-á “Diálogos com Arte” com António Tiza e Isidro Rodrigues, sendo que ambas as iniciativas serão transmitidas através do Facebook do Município de Bragança.

Por fim, a 16 de fevereiro, ainda em “Diálogos com Arte” o ator André Gago irá estar à conversa, digitalmente falando, explanando “O Papel da Máscara no Teatro”.

but

FOTOGRAFIAS: BMF

Adicionar novo comentário

CAPTCHA Esta questão tem a finalidade de prevenir publicações de spam.


PUB.