PUB.

Bragança é Moda invade Praça da Sé com um mar de gente nunca antes visto num desfile

A diversidade, o requinte e glamour vestiram a Praça da Sé no regresso tão aguardado do "Bragança é Moda". Foi na passada sexta-feira que centenas de pessoas puderam apreciar as tendências da Moda para o Verão 2022.

Na passerelle, dezenas de participantes, entre crianças e adultos, incorporaram o profissionalismo de modelos de nível A para mostrar o que algumas das lojas da cidade têm de melhor para oferecer aos seus clientes.  

No total, foram sete os estabelecimentos comerciais na mira do público por entre vários momentos musicais que fizeram as delícias do mar de gente que teve o privilégio de assistir a um desfile que em muito se assemelha ao que de melhor se faz lá fora e numa noite em que até o tempo ameno, quase como que numa soirée de julho ou agosto, quis prestar o seu contributo a momentos que tão cedo não sairão da memória dos brigantinos.

Num desfile realizado e promovido pela máquina que é a Associação Comercial, Industrial e Serviços de Bragança (ACISB), os anfitriões, papel desempenhado por Anabela Anjos e Paulo Afonso, iluminaram, apesar dos naturais nervos, o último “Bragança é Moda” e elevaram a fasquia daquele que será o próximo.

M

As Cores da Vida, um hino à paz” foi o tema escolhido para o Bragança é Moda Verão 2022. “Um momento de exaltação da vivacidade das cores de Verão, que assumem a tendência da moda este ano, que quer também transmitir uma mensagem de solidariedade e de esperança à população da Ucrânia, que vive em guerra, uma guerra que aflige e ameaça a população mundial e que também nos momentos de liberdade de expressão, como é um desfile de moda, deve merecer a reflexão de todos”, destacava a direção da ACISB, ainda antes de um evento que prevalece há já duas décadas e que, em 2020 e 2021, devido ao contexto de pandemia, provocada pela Covid-19, só teve lugar no mundo virtual.

Depois do "Bragança é Moda", a Kapital do NordestE teve oportunidade de falar com a secretária-geral da ACISB e apresentadora do desfile que, em jeito de balanço, reconhece o “forte impacto social e económico” do mesmo.

Penso que correu muito bem e, em relação à ACISB, superou todas as expetativas”, começa por afirmar Anabela Anjos que confessa, no entanto, que “as lojas estavam algo reticentes, mas, no final do desfile, estavam muito satisfeita”.

Quanto à logística, a responsável reconhece que este “é um evento que claro que dá muito trabalho, sobretudo, para duas horas de evento, mas é bom quando corre bem. É tudo idealizado por nós, desde o tema do desfile à montagem e desmontagem de todo o cenário, mas, no fim, ficamos com a sensação de dever cumprido”.

MO

Sobre o envolvimento da comunidade, Anabela Anjos reflete sobre a sua importância, assegurando que tal feito deixa todos “com a sensação de pertença ao evento”. Contudo, revela, “é muito duro para nós, pois estamos o dia todo a montar o desfile, nos dias anteriores a ensaiar as crianças e jovens e, terminado o desfile, a praça fica como se nada tivesse acontecido, pois na manhã seguinte há Banca na praça, portanto, temos de desmontar até o palco”.

No final, após o cair do pano, a entrevistada só tem uma palavra, “obrigado", e “um enorme sentimento de gratidão pela ajuda de todos os envolvidos”. Isto porque, esclarece, “Este desfile não era financiado e, portanto, não tínhamos dinheiro, a Vamusica colocou o som e a iluminação da fachada sem contrapartidas financeiras, a Cave fez as filmagens e as projeções para o ecrã sem qualquer contrapartida financeira. Ou seja, é muito bom sinal quando trabalhamos todos para um objetivo comum, a cidade, e quando temos associados que nos dizem Sim às iniciativas”.

Talvez pelo interregno de dois anos, talvez por se tratar de um regresso, talvez pela Moda refletir tanto prestígio e influência e fazer parte do dia a dia de todos nós, a verdade é que este era mais que esperado, ansiado, pelas lojas, algumas, pelo menos, pela ACISB, pela própria comunidade e talvez pela conjugação de todos esses motivos uma enchente como nunca antes vista num desfile do Bragança é Moda fez questão de marcar presença a 27 de maio.

MODA

FOTOGRAFIAS: BMF

Adicionar novo comentário

CAPTCHA Esta questão tem a finalidade de prevenir publicações de spam.


PUB.