Município vinhaense aprova apoios financeiros a lares e centros de dia do concelho

A Câmara Municipal de Vinhais aprovou uma proposta para que, em 2023, sejam apoiados os lares com 15 mil euros e os centros de dia com 10 mil euros.

Trata-se de tentar mitigar “dificuldades” que teimam em persistir e que surgem, na perspetiva do executivo, como consequência da “pandemia que se faz sentir no mundo desde o fim de 2019” e da guerra na Ucrânia e cujas repercussões têm mergulhado diferentes áreas, nomeadamente, as instituições sociais, num clima de insegurança, receio e incerteza quanto ao futuro.

Desta forma, a autarquia presidida por Luís Fernandes pretende continuar a apoiar uma área que considera “importante para o concelho, seja pelas valências que estas instituições têm para ajudar a população do concelho, seja pelas centenas de postos de trabalho que são, também, uma mais-valia para a fixação de pessoas”.

De referir que, só em 2022, o município decidiu apoiar, no âmbito das políticas de tem vindo a incrementar, as várias instituições sociais concelhias através da atribuição de uma verba superior a 100 mil euros, por entender que “a área social é uma das mais fundamentais e vital na estratégia definida para o desenvolvimento do concelho”.

Adicionar novo comentário

CAPTCHA Esta questão tem a finalidade de prevenir publicações de spam.


PUB.