Município de Vimioso com 11,3 milhões de euros para 2020

O Plano e Orçamento do município de Vimioso para 2020 terá uma dotação financeira de cerca de 11,3 milhões de euros e foi aprovado em reunião de executivo, afirmou o presidente da câmara.

"O orçamento para 2020 terá menos 700 mil euros em relação a 2019. Os grandes objetivos passam por concretizar um conjunto de empreitadas que estão em curso ou previstas para o concelho, no próximo ano", disse à Lusa Jorge Fidalgo.

O autarca social-democrata destacou, como exemplo, obras de reabilitação urbana, a construção de uma central de camionagem, a conclusão das obras de requalificação do edifício da câmara e o investimento nas freguesias e uniões de freguesias, tendo em vista a dinamização da economia local.

Na área da educação, o destaque passa pela requalificação da escola EB2 e arranjo da área envolvente, transportes dos alunos ou pagamento de propinas a estudantes do ensino superior.

Jorge Fidalgo comprometeu-se a continuar com "uma política muita ativa" de apoios "aos mais desfavorecidos do concelho", em áreas como a saúde ou o bem-estar da população.

No campo dos impostos, o Município de Vimioso não aplica a Derrama. A taxa cobrada de IRS é de 0,5 por cento que é aplicada, totalmente, nas funções sociais. No que respeita ao IMI, manteve-se a taxa municipal, quer para prédios rústicos, quer para urbanos.

Por seu lado, o vereador do Partido Socialista (PS), Jorge Fernandes, disse que o Plano e Orçamento "contempla um aumento significativo, com enfoque, nas despesas com pessoal".

Os eleitos pelo PS na Câmara de Vimioso realçam que "há uma percentagem significava com as despesas correntes da autarquia, que se situam em 67,6 por cento do total do orçamento".

"Os nossos votos de abstenção vão ao encontro do pouco investimento nas questões económicas e desenvolvimento rural efetuado no concelho. Não existe um conjunto de medidas articuladas para os próximos dois anos", vincou Jorge Fernandes.

O Plano e Orçamento do Município de Vimioso foi aprovado em sede de executivo municipal a 31 de outubro e discutido na reunião de dia 5.

O executivo municipal de Vimioso é constituído por três eleitos PSD e dois eleitos pelo PS, sendo que o Plano e Orçamento será levado para discussão e votação à Assembleia Municipalde maioria social-democrata, já no final do próximo mês de dezembro.

De salientar que Vimioso é um concelho rural, composto por uma dezena de freguesias e uniões de freguesia, contabilizando, atualmente, uma população de 4500 habitantes.

 

FOTOGRAFIA: BMF

Adicionar novo comentário

CAPTCHA Esta questão tem a finalidade de prevenir publicações de spam.