Leque com luz verde para avançar com candidatura para a criação de um Centro de Atividades Ocupacionais

Os parceiros da Rede Social de Alfândega da Fé aprovaram em Reunião do Conselho Local e Ação social o parecer favorável à candidatura da Leque para a criação de um centro de atividades ocupacionais (CAO) para pessoas com necessidades especiais.

O Núcleo Executivo desta Rede avaliou, previamente, a candidatura e emitiu, a 20 de janeiro, um parecer com uma pontuação de 91,65 por cento, dando luz verde à realização da candidatura por parte da Associação de Pais e Amigos de Pessoas Com Necessidades Especiais.

De salientar que a Leque já presta apoio a pessoas com deficiência e incapacidade no âmbito do Centro de Atendimento, Acolhimento e Reabilitação Social de Pessoas com Deficiência e Incapacidade, mas considera a resposta manifestamente insuficiente para as necessidades que, atualmente, existem.

AF

Com esta candidatura, a associação pretende, através do CAO, melhorar o serviço prestado aos jovens e adultos com deficiência mental e multideficiência, garantindo-lhes condições terapêuticas e infraestruturais superiores para que possam, assim, desenvolver as suas competências pessoais e sociais, bem como o seu próprio equilíbrio emocional, providenciando, simultaneamente, mais suporte às famílias desses utentes.

A candidatura será, agora, submetida ao Programa Norte 2020 para financiamento das intervenções necessárias à criação desta resposta social, considerada tão premente no concelho alfandeguense.

Adicionar novo comentário

CAPTCHA Esta questão tem a finalidade de prevenir publicações de spam.