PUB.

Concurso de Fotografia da Fundação Caixa CA pretende enaltecer o que “se faz por cá”

Até ao dia 1 de fevereiro, encontram-se abertas as candidaturas para a II edição do Concurso de FotografiaDe Montesinho ao Douro: Gentes e Paisagens”.

Cingida à temática “Assim se faz por cá”, a competição, que dará a conhecer os vencedores em março, sustenta a sua génese nas premissas de “valorizar, divulgar e promover o património humano, histórico e natural” dos concelhos de Alijó, Bragança, Macedo de Cavaleiros, Mirandela, Murça, Sabrosa, Valpaços e Vinhais.

Aliás, este é o intuito por detrás do concurso, que irá atribuir cinco mil euros em prémios repartidos pelos três primeiros classificados. Assim, o grande laureado receberá 2500 euros, enquanto o segundo lugar ganhará 1500 euros e, por fim, o terceiro posicionado terá direito a mil euros.

A Fundação Caixa CA sublinha que, este ano, há algumas novidades. A primeira foi, desde logo, o lançamento de um subtema, “Assim se faz por cá”, que propõe mostrar a cultura, as tradições e costumes, bem como a produção e transformação de produtos ou, simplesmente, as rotinas das gentes nas terras do Nordeste Transmontano. “Apesar de continuar a ser abrangente, permite ao júri ter uma abordagem mais assertiva em relação aos objetivos, facilitando no difícil trabalho de seleção e de decisão das fotografias premiadas”, fundamenta a presidente da Fundação, Cândida Braz.

A segunda novidade prende-se com uma alteração aos próprios regulamentos do concurso, no que diz respeito aos participantes. Isto porque, a partir de agora, estes têm de ser nativos ou residentes num dos oito concelhos da área de intervenção da Fundação Caixa CA. “Para além da promoção da nossa terra queremos também valorizar quem é de cá e não residindo aqui mantem a ligação à terra, quem cá ficou e aqui vive e, também, quem para cá veio viver”, divulga a responsável, destacando que cada participante, apenas, pode apresentar uma fotografia a concurso.

Recorde-se que a primeira edição desta competição, que visa “incentivar a criação artística e permitir a interação das várias comunidades”, teve lugar nos finais de 2022, tendo sido submetidas mais de 50 fotografias, de fotógrafos, sobretudo, amadores, oriundos de todo o país.

O regulamento pode ser consultado no website da Fundação Caixa CA (www.fundacaocaixacaaltodouro.pt), sendo que a fotografia deve ser formato digital e enviada pela plataforma disponibilizada para o efeito.

De referir, ainda, que o júri do concurso é constituído por três elementos externos à Fundação Caixa CA, comprometidos em apreciar as fotografias submetidas, de acordo com a adequação ao tema, qualidade estética, criatividade e originalidade, decidindo, posteriormente e com base nestes critérios, os três primeiros classificados.

Adicionar novo comentário

CAPTCHA Esta questão tem a finalidade de prevenir publicações de spam.
The website encountered an unexpected error. Please try again later.